O Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT5-BA) foi reconhecido pelos investimentos em sua segurança. A presidente, desembargadora Maria Adna Aguiar, recebeu a homenagem do Sindicato dos Policiais Federais do Estado da Bahia (Sindipol/BA), na manhã desta segunda-feira (30/10), pela implantação do novo padrão de segurança institucional, incluindo o fornecimento de armamentos não letais, portal detector de metais, o "botão de pânico" e cursos de capacitação para os agentes.

No evento, o presidente do Sindipol/BA, José Mário Silva Lima, reconheceu o valor e apoiou a Justiça do Trabalho: “Em um momento em que a instituição vem sendo questionada na sua validade, de ameaças aos direitos trabalhistas, o sindicato se aproxima para defender a categoria Trabalho”, afirmou.

A presidente agradeceu a homenagem e lembrou que apesar dos diversos problemas, inclusive limitações orçamentárias, buscou valorizar o ser humano e dialogar com os servidores em busca de uma união: “Encerramos dois anos prestando contas à sociedade. O TRT5 mostra, com números e fatos concretos, a sua efetividade. A Justiça do Trabalho é um investimento”. A presidente destacou ainda os números e vantagens dos alvarás eletrônicos, a implementação do CLE e a criação do aplicativo para celular (mobile), e outros projetos reconhecidos nacionalmente que marcaram a sua gestão.

A homenagem contou com a participação do Agente Federal Anderson Muniz, dos diretores do Sindipol/BA Augusto Almeida, Maize Benevides e André Canelas, além do diretor da Asssociação Baiana de Imprensa, Nelson José de Carvalho, que fez um breve pronunciamento reconhecendo o valor das duas instituições, TRT5 e Polícia Federal, a importância do serviço que prestam e a reputação de ambas junto à sociedade. Também compareceram diretores e assessores do Tribunal, inclusive o coordenador de Segurança, Pedro Marcelo Reis dos Santos.

A imagem pode conter: 7 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e terno

 

Fonte: TRT5